Deputado Anísio Maia articula encontro do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Alagoa Nova com Secretário Bivar Duda

O deputado estadual Anísio Maia (PT) articulou encontro do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de agricultores e agricultoras da agricultura familiar de Alagoa Nova – PB, na quarta-feira (27), com Bivar Duda, secretário de Estado da Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido. A reunião aconteceu na sede do Sindicato em Alagoa Nova.

“Nós estamos aqui cumprindo uma promessa. Eu já havia dito que traria o secretário Bivar porque tenho interesse em ajudar a cidade, que é o local onde eu nasci. Esse foi o primeiro de vários encontros”, disse o deputado durante sua fala na reunião.

Na atividade, que durou toda tarde, várias lideranças e presentes apontaram as dificuldades e necessidades da categoria e da região. O secretário Bivar, relatou em sua fala que estava anotando as demandas e que nesse primeiro momento era necessário escutar os agricultores presentes.

De acordo com Anísio Maia, o seu objetivo em iniciar esse diálogo entre o STTR e a secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido é fazer uma grande ação para a agricultura familiar da cidade, visando a melhora na produção local, gerando mais renda, lucro, empregos e impulsionando o comércio.

O parlamentar ainda frisou ser necessário pensar ações juntamente a prefeitura municipal, com a UFPB, bancos, que podem possibilitar financiamentos, e diversos outros parceiros, para que a cidade tenha uma indústria de processamento da produção dos agricultores e agricultoras, que vai auxiliar no crescimentos da agricultura familiar e da cidade.

A atividade contou com a presença de Carlos Henrique, presidente do PT de Alagoa Nova, Nequinho, Presidente do STTR, o prefeito de Bananeiras Francinildo Pimentel, a associação de jovens Acajaman, lideranças e presidentes de associações rurais do município.

“Para o Partido dos Trabalhadores, partido que pertenço, a agricultura familiar é muito importante, gera empregos e garante a subsistência de muitas pessoas. No tempo de Lula e Dilma ela era prestigiada e haviam vários projetos em execução, mas hoje com Bolsonaro não, por isso esse encontro era tão necessário”, finalizou Anísio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *