Percepção de melhora no país em relação ao ano anterior cai no NordesteCom mais de 4 mil vagas, concurso CAIXA 2024 abre inscriçõesFPM: municípios da Paraíba receberão, nesta quinta-feira (29), mais de R$ 106 milhõesSecretaria de Saúde vai realizar manutenção em aparelhos para retomar teste da orelhinha no ISEAProibição de usar banheiro de outro sexo nas escolas avança no SenadoEPIDEMIA: Paraíba registra terceira morte por dengue e chikungunhaLéa Toscano deixa PSDB“Manifestação em São Paulo foi a celebração da democracia e da liberdade”, senador Rogério MarinhoFederação Israelita registra aumento de 263% de denúncias de antissemitismo em escolas após ataques LulaMarço começa com mais uma edição do Tarifa Zero em Campina GrandeRede de Educação de Campina Grande inicia nesta quarta-feira aplicação do Sistema de Avaliação de AprendizagemCentro de Zoonoses amplia horário de atendimento para as consultas clínicas veterináriasPrefeitura de Campina Grande inaugura, nesta terça-feira, a nova Policlínica da Bela VistaNordeste: a ‘mina’ da energia solarLula III: Brasil registra 920 mil casos de dengue e 184 mortes, nos dois primeiros meses de 2024.Ato na Avenida Paulista, Bolsonaro reúne mais de um milhão de pessoas.Bolsonaro seria obrigado a comparecer em interrogatório? Veja o que dizem advogados criminalistasCasos de Covid-19 e mortes decorrentes da doença registram aumento no BrasilBNDES aprova R$ 88,5 milhões para expansão da internet de banda larga na PB e no RNPEC dá ao Congresso poder de sustar atos normativos do Judiciário

Prefeitura envia à Câmara projeto para reajustar em até 8% salários do magistério municipal de Campina Grande

Prefeitura envia à Câmara projeto para reajustar em até 8% salários do magistério municipal de Campina Grande

O prefeito Bruno Cunha Lima encaminha à Câmara de Vereadores de Campina Grande, nesta terça-feira, 23, projeto de lei que reajusta o Piso do Magistério Municipal. Na prática, o percentual sugerido por Bruno é mais que o dobro do valor sugerido para este ano por portaria do Ministério da Educação, que é de 3,62%. Ao todo, em Campina, serão aplicados 8%, retroativos a janeiro.

De acordo com o prefeito, a proposta para o quadro do Magistério efetivo é de 5% de imediato no Salário Base, mais 3% de abono, retroativo a janeiro. Diferente do reajuste sugerido pelo MEC, que fica abaixo da inflação (4,62%), o aumento da Prefeitura é bem mais considerável. E não fica por aí.

O texto do projeto de lei estabelece que, a partir de fevereiro, o abono passará por um processo de incorporação gradual ao valor do salário base, com conclusão prevista para consolidação dos 8% de reajuste para novembro deste ano.

Em relação aos professores contratados pela Secretaria de Educação do Município, o projeto prevê igualmente um reajuste de 5%, retroativo a janeiro deste ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.