Prefeito vai a Câmara pedir autorização para assinar protocolo que viabiliza compra de vacinas contra Covid-19

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, esteve na manhã de hoje (10), na Câmara Municipal para entregar pessoalmente o pedido de autorização legislativa para que a prefeitura possa firmar protocolo com o Consórcio Nacional de Municípios, que pode viabilizar a compra de vacinas contra a Covid-19.

O projeto de lei foi votado e aprovado na sessão ordinária, por unanimidade, e em tempo recorde. “Muito a agradecer a este gesto do Poder Legislativo, em sintonia com a situação emergencial provocada pela pandemia”, registrou Bruno, que fez a defesa da propositura na tribuna da Casa.

Na prática, a partir de agora, a Prefeitura de Campina Grande poderá acelerar o processo de compra de vacinas para ser agregado ao Plano Nacional de Imunização do governo federal. O prefeito explicou que, de sua parte, o processo está sendo negociado com muito zelo, junto ao governo federal, no sentido de que uma ação não atrapalhe a outra.

A negociação da Prefeitura, por meio do consórcio, se dará diretamente com os laboratórios que produzem os imunizantes fora do escopo do Ministério da Saúde. “Exatamente por isso, o caráter suplementar”, observou Bruno Cunha Lima, ao deixar claro que não será tomada nenhuma iniciativa que se conflite com os planos e logística federal, optando-se sempre pela aquisição de outras vacinas validadas pela Anvisa.

Para Bruno Cunha Lima, o mais importante é que Campina Grande, mais uma vez, assume a liderança na gestão da pandemia, com foco em duas estratégias básicas para permitir que a cidade não tenha que optar por medidas extremas: vai aumentar o processo de imunização em massa de seus habitantes e intensificar a fiscalização, além de aprimorar o trabalho exitoso feito por sua rede de assistência à saúde às pessoas infectadas, com elevado grau de sucesso em termos de recuperação e vitória sobre a Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *